4 Erros Fatais com Impostos que sua Empresa não Pode Cometer

<![CDATA[Todos sabem que o Brasil é campeão em impostos para empresas. A carga tributária é elevadíssima, e são tantas as modalidades, que os empresários costumam se confundir e se perder em meio a tantos números.
Assim, acabam cometendo erros, alguns até básicos, mas que influenciarão no próprio desempenho do negócio, tornando-o inviável, em muitos casos.
Por esse motivo, siga conosco até o final para saber como evitar 4 erros fatais com impostos para que você não cometa e mantenha a saúde financeira de sua empresa equilibrada, além de ficar em dia com o fisco.

Impostos para empresas

O pagamento de impostos faz parte do dia a dia de qualquer negócio. Mesmo a chamada “contribuição”, uma vez que é compulsória, torna-se mais uma forma dentre tantos impostos para empresas. Assim, esteja atento e não cometa os erros com impostos abaixo, pagando mais do que deve:

1 – Faltar com as obrigações

É comum empresários pagarem colaboradores e fornecedores e deixar de fazê-lo com os impostos, como se fosse algo opcional. Alegam que sem esses dois primeiros, não há como continuar com o negócio, então são prioridade.
Sim, eles até podem ser prioritários, mas isso não exime ninguém do pagamento dos tributos, mesmo porque há várias implicações nesse ato, como:

  • Proibição de participação em processos licitatórios. Contratar com a Administração Pública sempre gera bons rendimentos para as empresas. Algumas delas duplicam ou triplicam o faturamento. Entretanto, devem apresentar Certidão Negativa de Débitos emitida pela Fazenda, o que já não será possível;
  • Pagamento de multas. Se os impostos já são onerosos, imagine com o adendo de multas por impostos atrasados. A dívida só tenderá a aumentar, e o negócio será passível de outras punições mais rígidas, inviabilizando o negócio;
  • Negação de crédito. Financiadoras e bancos negarão financiamento para compra de novos equipamentos ou capital de giro, por exemplo. Lembre-se que o BNDES ou mesmo o Cartão BNDES têm juros bem abaixo do mercado, o que ajuda – e muito! – na hora de fazer investimentos na sua empresa.

2 – Guerra Fiscal

Os estados estão em verdadeira guerra fiscal, mas no meio desse fogo cruzado, você não pode ser atingido.
Um país com dimensões continentais e com alíquotas diferentes de ICMS para os estados, termina por confundir tanto os empresários na hora da precificação, que ao invés de terem lucro com a venda, colhem um grande prejuízo.
Assim, é de extrema importância que você esteja atento à legislação, fazendo os cálculos corretos na hora de estabelecer a diferença entre os estados de origem e destino.

3 – Enquadramento tributário

O Simples Nacional é um regime bastante conhecido, até a mídia fala muito nele, mas não é o único. Além dele, há o Lucro Real e o Lucro Presumido, podendo ser alterado anualmente.
Cada um tem suas particularidades com relação ao recolhimento e demais procedimentos decorrentes da escolha, até isenções.
Sendo assim, uma boa assessoria fiscal analisará o perfil de sua empresa, seu público-alvo, e fará a opção por aquele que gerará mais crédito, trazendo benefícios a partir disso.

4 – Dados cruzados

Há muitos casos de preenchimento incorreto de guias e declarações, gerando multas. Um desses importantes documentos é o DRE (Demonstrativo do Resultado do Exercício).
Na era da informática, o Governo cruza os dados cada vez com mais eficiência, e será através do DRE que ele vai verificar se você calculou o imposto certo em cada uma das situações em que é requerido, assim como o lucro auferido, se está em acordo com o lucro declarado no IRPF dos sócios.
Dentre outros pontos, é aí que uma assessoria contábil também fará toda a diferença em sua empresa. Saiba mais no texto “Por que contar com uma assessoria contábil?”.
Sabemos que são muitos os detalhes até por conta da quantidade absurda de impostos que oneram o empresário. Muitas vezes, sem uma assessoria adequada, que possa dar os esclarecimentos necessários, as empresas nem entendem o que está sendo pago.
Dessa forma, para não ter problemas com impostos, é fundamental a contratação de um suporte eficiente nessa área tão importante e sensível.
A Gaffa Contabilidade é uma empresa dedicada a dar suporte às empresas, auxiliando-as com um bom planejamento tributário, além de também atuar nas esferas contábil, legal e trabalhista.
Conheça mais sobre nossas soluções visitando nosso site, a fim de saber tudo o que podemos fazer para que seu negócio seja mais produtivo e lucrativo.]]>

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Print
Email