FLUXO DE CAIXA DA EMPRESA – EVITE PROBLEMAS

<![CDATA[

O controle acurado do fluxo de caixa da empresa permite que haja maior organização das finanças e de um dos elementos mais importantes no negócio: o dinheiro. Assim, por fluxo de caixa deve ser entendido todo montante de dinheiro que circula dentro da empresa. 

Por “montante” entende-se a soma de todos os valores recebidos bem como aqueles gastos para custear salários, compras, contas de consumo, investimentos no desenvolvimento das ações da empresa, dentre outros. Já o responsável por realizar esse controle é o Financeiro. 

O problema é que especialmente em pequenas empresas ou naquelas que estão começando, muitos setores ficam sob responsabilidade de uma única pessoa: o dono do negócio, que não raro não consegue dar conta de tantos afazeres e termina por deixar alguns deles de lado.  

Os problemas mais comuns do fluxo de caixa da empresa

Alguns problemas são recorrentes quando se fala em fluxo de caixa da empresa, porém, para além de aponta-los, é preciso encontrar maneiras de solucioná-los.

Por isso, neste tópico serão mostrados os problemas mais comuns e as soluções propostas pelos profissionais da Gaffa:

  • Lucro da empresa 

Pode parecer estranho, mas muitas empresas e seus gestores não têm noção concreta da lucratividade de seu negócio: afinal, eu tenho ou não tenho lucro? Se tenho, quanto ele vale em números concretos? Se não tenho, o que fazer para mudar essa situação? 

O problema e as dúvidas relacionadas a ele se explicam pelo fato de o dinheiro não entrar na empresa “de uma só vez”, em especial no comércio, o dinheiro entra e sai picado, todos os dias é preciso fazer compras e todos os dias ocorrem vendas, por exemplo.

Aqui, a solução é realizar um controle diário do fluxo de caixa da empresa e colocar no lápis todo o valor que entrou (com vendas, prestação de serviços, pagamentos e compensações) e subtrair dele os gastos (compras, pagamentos). O resultado final se positivo significará o lucro, se negativo, déficit;

  • Gastos inesperados e acima do previsto 

Eventos inesperados, imprevisto, reformas, demissões etc., representam gastos inesperados e que podem comprometer o equilíbrio das finanças da empresa. Além disso, ao fazer o controle diário do fluxo de caixa da empresa é possível notar que há dias positivos e negativos. 

A solução é realizar um planejamento estratégico para reequilibrar as contas, alguns gastos podem ser cortados, valores de mercadorias podem ser barganhados com fornecedores, dívidas renegociadas, bem como investimentos realizados nas áreas mais urgentes;

Leia também: 05 dicas para melhorar o fluxo de caixa de sua empresa

  • Os impostos estão ou não em dia 

O pagamento de impostos evita uma série de problemas para a empresa e ainda viabiliza ações como emissão de notas fiscais, aquisição de empréstimos, construção de parcerias, dentre outros, porém muitos empresários têm dúvidas se estão ou não em dia com eles. 

A solução é contar com uma assessoria fiscal e tributária para verificar toda documentação e checar se os pagamentos estão em dia. Ademais, nem sempre a empresa não está em dia porque pagou os impostos a menor, há casos em que os pagamentos foram feitos a maior.  

Nesses casos, a assessoria atuará não apenas na regularização das contas, mas também na recuperação dos valores pagos a mais, o que colabora ao dar uma folga ao fluxo de caixa da empresa, já os débitos em aberto poderão ser melhor negociados.

Não deixe para depois a organização do fluxo de caixa da empresa

Como vimos, a organização do fluxo de caixa  é crucial para manter a saúde financeira de seu negócio. A utilização de aplicativo de gestão financeira é um passo importante e deixa mais visível o que acontece diariamente. Com essas informações e com a ajuda de uma assessoria contábil fica muito mais fácil tomar decisões a médio e longo prazo.

Leia também: Como a contabilidade pode ajudar na tomada de decisões 

O que asseguram os profissionais da Gaffa Contabilidade, que tocar um negócio não é tarefa fácil, porém o empresário não precisa fazer tudo sozinho, pois pode contar com uma boa assessoria contábil e tornar tudo mais fácil e preciso. 

Por fim, ao controlar bem o fluxo de caixa da empresa é possível tomar decisões mais acertadas na hora de fazer investimentos, pois elas não serão baseadas em achismos, mas em dados concretos e seguros e a Gaffa Contabilidade coloca-se à disposição para ser uma parceira nessa etapa.

 

imagem: Foto de Malte Helmhold no Unsplash

 

]]>

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Print
Email